CEARÁ JUNINO APRESENTA: A ESTÉTICA DO CANGAÇO

08/03/2014 13:59

Estrelas de couro, o livro que eu gostaria de ter escrito”
diz Ariano Suassuna

Embalados com o tema de 2014, apresentamos a todos a obra que é a fonte de pesquisa para o nosso tema. Autoridade no tema Cangaço é do historiador Frederico Pernambucano de Mello o livro Estrelas de Couro: a estética do cangaço (Escrituras Editora).

O livro é a primeira produção de história íntima sobre o fenômeno de insurgência social de maior apelo popular do Brasil. Sem perda do caráter epidérmico de banditismo, Pernambucano nos mostra uma tradição brasileira de insurgência recorrente, irmã do levante indígena, do quilombo e da revolta social. E conclui que nos veio do fenômeno a própria marca visual da região Nordeste: não mais que uma estilização da meia-lua com estrela do arrebitado da aba do chapéu de couro dos velhos capitães de cangaço.

Resultado de estudo profundo a que se dedicou Pernambucano desde 1997, a obra é um ensaio interdisciplinar, um livro de arte com mais de 300 fotos históricas. Vale a pena ter!

“Habitando um meio cinzento e pobre”, conclui Pernambucano, “o cangaceiro vestiu-se de cor e riqueza. Satisfez seu anseio de arte, dando vazão aos motivos profundos do arcaico brasileiro. E viveu sem lei nem rei quase em nossos dias, deitando uma ponte sobre cinco séculos de história. Foi o último a fazê-lo com tanto orgulho. Com tanta cor. Com tanta festa".

QUADRILHA CEARÁ JUNINO E A OUTRA FACE DO CANGAÇO.