SOBRE NÓS

 

Criada em 20 de julho de 2003, a sociedade cultural CEARÁ JUNINO surgiu da ideia de alguns jovens do bairro com o intuito de promover e valorizar as manifestações populares, como a quadrilha junina. Várias pessoas da comunidade reuniram-se visando também em tirar os jovens da ociosidade e possibilitar aos profissionais da área mostrarem seus trabalhos e talentos. O nome do grupo surgiu de uma votação por parte de todos que deram inicio a esse trabalho. A própria comunidade sugeriu vários nomes para ser escolhido apenas um. No final ganhou o nome CEARÁ JUNINO, que depois quando tornou-se pessoa jurídica passou a ser “ SOCIEDADE CULTURAL CEARÁ JUNINO”.  Durante o segundo semestre de 2003. Foram desenvolvidas várias pesquisas, no intuito de trazermos um trabalho voltado as nossas tradições culturais e conseqüentemente o reconhecimento do nosso público.

Em junho de 2004 estreava a quadrilha CEARÁ JUNINO com 26 pares, um regional próprio (BALANÇO DO REI), com várias pessoas da nossa área de atuação envolvida. O tema apresentado foi: O O JOÃO DA EUROPA AO SERTÃO”. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Veio o ano de 2005, o grupo cresceu um pouco e passou a ter 28 pares. Nesse ano resolvemos fazer homenagem a duas figuras nobres da festança junina. O tema foi: “VIVA NOSSO CASAL DE NOIVOS”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Chego2006 e com ele a procura por muita gente, em busca de se agregar ao grupo. Fomos a quadra com 40 pares.Isso nos mostrava o quanto estava sendo enorme a aceitação de nosso trabalho. Depois de muita pesquisa resolvemos trazer como tema um dos símbolos do nosso o João:” A FOGUEIRA JUNINA”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em 2007 ousamos ainda mais nas pesquisas e resolvemos montar um espetáculo junino com a mesma quantidade de pares do ano anterior, ou seja 40 pares. Resolvemos ter como proposta de trabalho um dos momentos mais comemorados pelo povo sertanejo“A FESTA DA COLHEITA DO MILHO. O sucesso foi total.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Prova disso que em 2008 continuamos em crédito com nossa comunidade. Vários jovens se interessaram ainda mais e chegamos ao mês de junho com 50 pares. O tema desenvolvido foi: “DA EUROPA AO SERTÃO PRA CASAR COM LAMPIÃO. Ou seja, ao longo desses seis anos foram várias conquistas, títulos, troféus, placas. Sempre representamos a cidade de Fortaleza com muito trabalho, honra e principalmente compromisso.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em 2009, fomos resgatar momentos de nossa cultura que estavam caindo no esquecimento. Novamente com 50 pares nossa quadrilha fez muita gente chorar de alegria, revivendo sua infância, quando iam aos arraiás com toda pureza para se divertirem. Trouxemos como tema de trabalho“A CEARÁ JUNINO TE TRAZ, UM POUCO DO O JOÃO QUE NÃO SE VIA MAIS”. Onde matamos a saudade de passos bem tradicionais ao som de Luiz Gonzaga, Assizão, Trio Nordestino e outros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em 2010 o projeto da Sociedade Cultura Ceará Junino foi voltado para um universo colorido. Com 50 pares novamente veio o tema "O COLORIDO DAS FITAS TE LEVA AO O JOÃO DA CEARÁ JUNINO". Aceitação total por parte do público e de todos que fazem o meio junino. Prova disso foram os títulos mais uma vez conquistados, não só a nível municipal, como também nacional. Dentre as principais conquistas podemos citar: Festival de Maracanaú (Etapa do Festival da Globo no Ceará), Festival Inter-estadual de Mossoró e o Festival da Rede Globo Nordeste realizado em Recife - PE.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em 2011 a união da elegância Européia com o molejo do povo Nordestino inspiraram o tema deste ano. "JUNTANDO O MOLEJO DAQUI COM A CHIQUEZA DE LÁ, NASCEU A CEARÁ" foi o tema escolhido e encenado pelos 54 pares que compuseram o grupo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em 2012 não poderia ser diferente, a Sociedade Cultural Ceará Junino levou aos arraiás um pouco da musicalidade de Luiz Gonzaga Lua da Silva, o nosso eterno Rei do Baião, homenageando-o no ano do seu centenário. Com o tema "CEARÁ JUNINO CANTA E DANÇA LUIZ GONZAGA", a aceitação do público foi maravihosa, o que levou a conquista de vários títulos. Colocamos em quadra novamente 54 pares.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

          Em 2013, resolvemos resgatar um pouco da história desse desbravador do sertão e que faz do gado seu companheiro de luta.Com 150 pessoas participando desse projeto em quadra, mostramos um pouco da vida desse valente homem. Trouxemos como nosso tema: "NO ARRAIÁ DA CEARÁ JUNINO: FÉ,FORÇA E CORAGEM DO VAQUEIRO NORDESTINO". Em algumas de nossas apresentações contamos com a presença de “Dona Dina”,mestra da cultura popular que durante muitos anos, foi presidenta da Associação dos Vaqueiros de Canindé.

A Ceará Junino em 2014 teve 160 pessoas envolvidas em torno do seu projeto, levando ao conhecimento do seu público o lado artístico dos cangaceitos, até então desconhecida. Depois de muitas pesquisas envolvendo as maiores obras sobre esses valentes homens do sertão, definimos nosso tema como: CEARÁ JUNINO E A OUTRA FACE DO CANGAÇO.

No ano de 2015 o espetáculo "A FÉ" contou com a presença de 150 pessoas que executaram o projeto. A fé do sertanejo, sua persistência e luta por dias melhores foi contada no arraiá.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em 2016 com o espetáculo "A Carta", a Quadrilha Ceará Junino arrebatou os corações de várias gerações. Envolvendo 180 componentes, contou a história de da menina Sofia que fazia seus diversos tipos de bonecos e bonecas da cultura popular criarem vida, tornando real o imaginário popular. A Quadrilha sagrou-se CAMPEÃ NACIONAL neste ano.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PRINCIPAIS CONQUISTAS:

 

. Campeã do TROFÉU SÃO JOÃO 2007 (quadrilha que mais ganhou títulos no Ceará);

. Bicampeã do FESTIVAL CEARÁ JUNINO (2006 e 2016);

. Tetracampeã do FESTIVAL INTER-ESTADUAL DE MOSSO (2010, 2012, 2013 e 2016);

. Campeã Estadual do FESTIVAL DA FEJUC;

. Bí-campeã do FESTIVAL INTER-ESTADUAL DE QUADRILHAS DE MARACANAÚ (2010 e 2012);

.Tricampeã do FESTIVAL SESC ATIVO (2012, 2013 e 2014);

. Campeã do FESTIVAL DA REDE GLOBO NORDESTE (2010);

. Campeã da REDE CUCA (2016);

. Campeã Chitão de Fortaleza (2016);

. Campeã CEARENSE (2016);

. Campeã NACIONAL 2016 (Realizado em Belém /PA)

 

É importante ressaltar, que ao longo dos seus 14 anos de existência, a CEARÁ JUNINO detém mais de 200 títulos de campeã.